Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Figura 1

Figura 2

Figura 3

Figura 4

Depoimentos

"O Dr. Eduardo Fávero, pós-graduado em cirurgia vascular e endovascular sob minha orientação, demonstra grande competência para atuação plena na especialidade"

- Dr. Antônio Luiz de Medina -

“Consultas rigorosamente no horário. Isso é respeito pelo paciente.”

- Cláudia M. Pereira -

“Encontrei no Dr. Eduardo o que procurava há muito: seriedade, competência e atenção.”

- Maria Helena Cardoso -

“Muito bom. Explicações simples sem o abuso de termos médicos. Superou minhas expectativas.”

- Pedro Rodrigues -

“Obrigado por tudo que fez por mim, dr. Eduardo.”

- Jurema Gonçalves -

“Finalmente encontrei um médico onde as consultas não são corridas e o horário é respeitado. Além de me sentir melhor atendida, me deu tempo para tirar todas as dúvidas e me sentir mais segura em relação ao meu tratamento.”

- Luciana Braga -

Microvasos


             Os popularmente conhecidos como microvasos são na verdade pequenas veias conhecidas como telangiectasias muito abundantes nas pernas mas também presentes no rosto, principalmente no nariz e nas maçãs. Dificilmente representam um problema de saúde sendo, na maioria das vezes, um problema estético que incomoda a maioria das mulheres.

             O tratamento dessas veias é chamado de escleroterapia que pode ser química ou física.


             A escleroterapia química consiste na injeção de uma substância no interior da veia através de uma agulha muito fina, são as famosas “aplicações”. Existem alguns medicamentos que podem ser usados neste tipo de tratamento, desde compostos detergentes até glicose concentrada. Cada substância tem um mecanismo de ação e sua escolha varia de acordo com o profissional. Pode ser feita também a substância usada na técnica convencional porém em forma aerada, como espuma. Apresenta a vantagem de poder ser usada em veias algo maiores e nos possibilitar o uso de uma menor quantidade do medicamento.


             É um tratamento divido em sessões que variam em número de acordo com a quantidade de veias de cada paciente, sendo contra-indicado para pessoas portadoras de doenças circulatórias arteriais que devem ser pesquisadas através do exame físico realizado pelo especialista e, por esse motivo, entre outros, não deve ser feito por esteticistas ou por outros especialistas.


             O tratamento por laser é um exemplo de escleroterapia física onde a veia é tratada através do calor e representa o que há de mais moderno nessa área. Tem algumas vantagens como poder ser associada a um método anestésico e assim ser mais confortável para o paciente, ser capaz de tratar vasos exageradamente finos (impossíveis de serem puncionados com a agulha), ser o único método seguro para tratamento dos vasos do rosto além de apresentar um número total de sessões aproximadamente 40% menor. A desvantagem é o preço já que o método é mais caro.

Orkut Me siga no Twitter! Acompanhe meu Blog  
Top Center Ipanema
    Rua Visconde de Pirajá, 550 sala 1808 – Ipanema – Rio de Janeiro/RJ – CEP 22410-901 
   Tel.: (21) 3322-1038

Acompanhe meu Blog!
Me siga no Twitter!
Orkut

Desenvolvido por RjToni - Webdesign

Acesso Restrito